BEM-VINDO A ANSP

 

O Projeto ANSP (an Academic Network at São Paulo), como definido na decisão do Conselho Superior da FAPESP (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo) quando de sua criação, "provê à comunidade de pesquisa do Estado de São Paulo conectividade de redes de computadores no estado da arte".

 

A ANSP desenvolve e mantém infraestrutura e serviços de Internet e comunicação de dados em geral que, em conjunto com o Programa Reserva Técnica ANSP, da FAPESP, oferecem à comunidade de pesquisa e educação do Estado de São Paulo, os meios tecnológicos necessários ao acesso à informação em todo o mundo, ao compartilhamento de conhecimento, ao desenvolvimento de projetos colaborativos e à inovação em larga escala.

 

O projeto ANSP é executado pelo NARA (Núcleo de Aplicações em Redes Avançadas) da Faculdade de Medicina da USP e financiado pela FAPESP, através do Processo no. 2013/11711-5.

 

Notícias

WORKSHOP SDN-OPENFLOW NO ITA

A ANSP promoveu workshop sobre SDN-OpenFlow nos dias 11, 12, 18 e 19 de setembro de 2013, no ITA, em São José dos Campos, SP.

 

Terminou em 19 de setembro de 2013, o primeiro Workshop ANSP-ITA, sobre SDN-OpenFlow, realizado no Instituto Tecnológico de Aeronáutica, em São José dos Campos, São Paulo. O workshop de quatro dias foi organizado pelo Prof. Dr. Cesar Marcondes, da UFSCar (Universidade Federal de São Carlos) a pedido do Prof. Dr. Alessandro Anzaloni e teve como objetivo dar continuidade ao processo de capacitação do segmento acadêmico para a tecnologia SDN-OpenFlow, iniciado durante a RSA2 (2ª Reunião Semestral da ANSP), em 2012.

Anzaloni, professor de sistemas de comunicação e processamento de sinais do ITA, e que foi project leader do Programa TIDIA (Tecnologia da Informação no Desenvolvimento da Internet Avançada), acredita que a aplicação do OpenFlow melhorará a rede interna do ITA, tanto nas aplicações científicas como nas áreas de graduação e pós-graduação.

A oficina foi ministrada pelo Prof. Marcondes, com apoio de seus orientandos de pós-graduação, Antonio Brasolin e Ricardo Guesuatto, e do engenheiro João R. Strapasson, da empresa brasileira DATACOM, responsável pela produção e fornecimento dos equipamentos utilizados noworkshop.

A ANSP tem promovido atividades interativas sobre OpenFlow e SDN para empresas e instituições acadêmicas. Acompanhe os cursos, palestras e workshops apresentados durante as RSAs (Reuniões Semestrais da ANSP), acessando o canal da ANSP no YouTube.

___________________________________________________

Links e Sites Pointing hand cursor vector.svg www.youtube.com/redeansp

Share

AMPLIAÇÃO DA REDE ACADÊMICA ENTRE O BRASIL E ESTADOS UNIDOS EXPANDIRÁ A INOVAÇÃO E A COLABORAÇÃO INTERNACIONAL

A ampliação do projeto AmLight para 40 Gigabit foi realizada pelas redes de pesquisa e educação ANSP, RNP e FIU, do Brasil e dos EUA.

 

A Florida International University (FIU) anunciou hoje a ampliação da interconexão entre o AMPATH International Exchange Point, em Miami, e o Southern Light Exchange Point, em São Paulo, dobrando a capacidade da rede entre a América Latina e os EUA, de 20GB/s para 40GB/s.

A ANSP fornece conectividade para mais de cinquenta instituições, que são responsáveis por mais de 40% da produção científica brasileira. “A duplicação dos links internacionais em questão, é uma sequência natural de nossa parceria com a FIU e a Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP), estabelecida em 2004, e que, de uma maneira ou outra, vem sendo aprimorada a cada ano desde então”, disse o Prof. Luis F. Lopez, da Universidade de São Paulo (USP), Investigador principal do projeto ANSP. “Agora, com uma conectividade nominal de 40 G (e com um mínimo esperado de pelo menos 30 G), nossa comunidade de pesquisa poderá aumentar ainda mais sua colaboração com outras instituições, tanto no Brasil como no exterior”.

Esta pesquisa em evolução da Internet é feita em escala global e requer um time global para harmonizar a interoperacionalidade. A AMPATH está dando suporte a esta inovação nas Américas através de um suplemento da Fundação Nacional de Ciências (NSF – National Science Foundation) ao projeto AmLight, coordenado pelo Prof. Julio E. Ibarra, da FIU. O resultado final traduz-se numa rede que suporta pesquisa crítica, ciência e educação, atendendo perfeitamente às necessidades atuais e se preparando para as futuras.

Share

NIC.BR CRIA LISTA DE DISCUSSÃO ESPECÍFICA PARA OPENFLOW

 Grupo de discussão visa debater a tecnologia SDN e, em específico, o padrão OpenFlow.

 

A tecnologia de SDN (Software Defined Networks) em português, Redes Definidas por Software, é uma nova abordagem na área de redes de computadores que permite desvincular as funções de encaminhamento dos dados, do controle da rede, criando uma maneira programável direta de atuar no plano de dados.

A implementação de redes definidas por software pode ser feita através do padrão OpenFlow, já disponível em um grande conjunto de switches (puros e híbridos), e que permite através de uma interface aberta e padronizada, que a gerência da rede seja dinâmica, flexível, de baixo custo, dando aos administradores de rede: controle, programabilidade e automação de suas redes, sem precedentes.

Este grupo de discussão visa debater a tecnologia SDN e, em específico, o padrão OpenFlow, debatendo temas como os controladores, a maneira de programar, ideias de aplicativos, troca de experiências de implantação, entre outros assuntos relacionados.

Os organizadores da lista de discussão são os professores Cesar Marcondes (UFSCar) e Adriano Cansian (Unesp - São José do Rio Preto).

___________________________________________________

Endereço para inscrição:  https://eng.registro.br/mailman/listinfo/openflow

Endereço da lista: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

 

Share

DATACOM E ANSP ORGANIZAM WORKSHOP SOBRE SDN

A realidade atual e o futuro das SDN foram discutidos em workshop realizado em 21-22/08/2013, em Curitiba, PR. 

 

Terminou, no final da tarde de ontem, o Workshop "SDN - Software Defined Networking: Compartilhando Visões para o Futuro", promovido pela empresa DATACOM, com apoio da ANSP. O evento, realizado em Curitiba, Paraná, aconteceu nos dias 21 e 22 de agosto de 2013 e teve como objetivo principal discutir a realidade atual e o futuro das Redes Definidas por Software, unindo esforços para trazer soluções nesta área.

Patrocinados pela DATACOM, representantes da própria empresa e da ANSP, Copel, CPqD, Equatorial, NIC.br, RNP, SERPRO, UECE , UFES, UFSCar, Unesp e Telebras reuniram-se para apresentar e discutir as limitações, problemas da tecnologia, soluções, aplicações e demonstrações práticas das SDN.

A discussão dessas ideias visa entender as principais questões e problemas sentidos pelos clientes da DATACOM nessa área, ajudando a empresa a orientar sua área de desenvolvimento de maneira mais próxima às necessidades de seus clientes e usuários.

Share

Informações Adicionais